4 minutes reading time (860 words)

MENSAGEM DO PRESIDENTE

Yolanda ElliottTenho estado muito desanimado ultimamente, como muitos de vocês me disseram que estão. Com tudo o que está acontecendo no mundo e em meu país, os Estados Unidos, é fácil ficar desanimado.

Alguns de vocês me seguem na minha página pessoal do Facebook e noTwitter, onde posto alguns comentários  políticos para familiares e amigos. Eu reconheço que algumas de minhas postagens podem ofender algumas pessoas fora desses círculos. Mas o que mais pretendo expressar em qualquer uma das postagens nas redes sociais é o meu desejo de que todos nós tratemos uns aos outros com bondade, compaixão e empatia… e clame absolutamente quando e onde for necessário.

Não estou interessado em atacar nenhum partido político, organização ou grupo demográfico de pessoas. O Kinship é uma organização apartidária e estamos aqui por toda nossa comunidade. Devo abordar atitudes e comportamentos específicos que destacam a necessidade de verdadeira justiça social em nossas famílias.

Acho difícil ficar otimistas quando uma pessoa diz "A vida negra é importante” e outra pessoa, geralmente branco responde “Todas as vidas são importantes”. Claro que todas as vidas são importantes, tanto para Deus quanto para mim, mas até que as vidas dos negros importem tanto quanto as vidas dos brancos em meu pais e em todo mundo, então todas as vidas importam.

Recentemente, postei na minha página do Facebook uma citação que corresponde aos meus pensamentos sobre isso. Aqueles de vocês que leram me desculpem a repetição. Aqueles de vocês que não viram, vejam se isso ressoa em vocês.

"Eles dizem que queremos dispensar departamentos de polícia (e que odiamos a polícia). Não queremos, isso é mentira. Queremos eliminar o racismo e brutalidade policial desnecessária e fazer com que aqueles que abusam do seu poder sejam responsabilizados.

Eles dizem que queremos libertar todos os prisioneiros. Não queremos, isso é mentira. Queremos erradicar o racismo e garantir que as punições coincidam com os crimes e privar as prisões.

Eles dizem que queremos fronteiras abertas. Não queremos, isso é mentira. Queremos que os requerentes de asilos tenham oportunidade de pedir asilo. Queremos ajudar as pessoas que estão saindo do terror e da pobreza inimagináveis para dar a elas as chances que temos. Queremos garantir que as crianças não sejam separadas dos seus pais e que ninguém seja mantido em gaiolas. Mas queremos uma avaliação adequada.

Eles dizem que queremos tirar suas armas. Não queremos, isso é mentira. Queremos um controle lógico de armas para ajudar a prevenir tiroteios em massa.

Eles dizem que queremos travar uma guerra contra o cristianismo e os valores cristãos. Não queremos, isso é uma mentira. Queremos que as pessoas de todas as religiões possam praticar e adorar livremente.

Eles dizem que queremos tudo de graça. Não queremos, isso é uma mentira. Queremos trabalhar duro e garantir que a saúde e a educação seja acessíveis para todos.

Eles dizem que queremos uma guerra contra o casamento tradicional. Isso é mentira queremos que pessoas de todas as orientações sexuais possam amar livremente, não importa quem você ame.

Eles dizem que queremos destruir ou reescrever a história. Não queremos, isso é mentira. Queremos reconhecer as partes desagradáveis  do nosso passado e fazer tudo o que pudermos para dizer 'isso não está certo, não vamos honrar os agressores, não vamos deixar essas coisas acontecerem de novo’.

Eles dizem  que queremos tirar seu direito constitucional. Não queremos, isso é mentira. Optamos em acreditar na ciência a usar mascaras e tentar prevenir a propagação desta doença.

Eles dizem que odiamos a América. Não odiamos, isso é mentira. Apenas reconhecemos nossas falhas e queremos que façamos melhor, sejamos melhores.

Pare com os 'nós contra eles’. Pare com os argumentos do espantalho. Pare com as notícias falsas. Pare com as notícias de raposa. Nossa posição é de empatia, compaixão e lógica. Pare de acreditar no hype. Pare de divisão. Só porque queremos igualdade para todos não significa que queremos tirar algo de você.”

De Sara Pastoor via Facebook.

Estas citações representa muitas das questões da justiça social nas notícias de hoje. Alguns deles são parte dos debates que acontecem nos grupos de discussões dos membros da SDA Kinship, e com uma comunidade, alguns podem dizer que estamos travando nosso próprio tipo  de “justiça social”dentro de nossa denominação.

Nos últimos quase 50 anos, tem sido uma luta diária apenas para nossas vozes sejam ouvidas em nossas igreja e para abrir espaço para os membros da nossa comunidade serem visíveis, ter um lugar para adorar, servir e criar nossas famílias em comunhão que pratique o amor de Jesus.

Para aqueles que ainda estão na igreja, o Kinship está com você e continuará a advogar por você mesmo quando formos mal compreendidos, caluniados ou atacados por isso. Aqueles de vocês que precisam mudar  para outras denominações, estamos aqui para ajudá-los e não queremos que sua jornada seja degradada.

Para todos nós, estamos aqui para apoiar uns aos outros, seja com esta denominação, dentro das nossas profissões, em nossas instituições de ensino, com nossas famílias, ou em nosso círculos pessoais nas redes sociais. Você não está sozinho e o Kinship está com você como estamos com as pessoas marginalizadas em cada uma das sociedades em que vivemos.

SAUDAÇÕES DE DISCOVERY BAY ...
Mensagem do Presidente

By accepting you will be accessing a service provided by a third-party external to https://www.sdakinship.org/